É mais do que verdade a frase de que se você escolher uma profissão por amor, jamais precisará trabalhar. Cavalos não precisam ser apenas seu hobby favorito, podem também ser parceiros em seu trabalho. Caso você ame cavalos  e tenha vontade de trabalhar com eles, mas ainda esteja indeciso, selecionamos algumas profissões pra te fazer pensar.

Medicina Veterinária:

O médico veterinário dá assistência clínica e cirúrgica aos cavalos, além de cuidar da sua saúde, alimentação e reprodução. Médicos veterinários podem ser generalistas, não precisam ser especializados em nenhuma área específica (como clínicos gerais), ou podem se especializar em alguma área, como a de equinos, área odontológica, genética, fisioterapia, entre outros. Bons médicos veterinários se excedem no mercado de trabalho quando trabalham com desejo de tratar dos animais com toda atenção e carinho.

Zootecnia:

Zootecnia está relacionada à busca de produtividade e rentabilidade na criação de animais e no desenvolvimento de produtos de origem animal, sendo também a área responsável pelo desenvolvimento de suplementação para os animais e controle de qualidade dos alimentos. Um zootecnista orienta aos seus clientes na hora da compra das melhores rações para cada animal, faz avaliação genética, desenvolve sistemas e técnicas de cruzamento e inseminação artificial e garante rebanhos cada vez mais fortes e resistentes.

Administrador de centros equestres:

Esse é o profissional que supervisiona os cuidados com os cavalos nos Haras ou Centros de Treinamentos. Pode ser formado em administração ou cursos que tenham grades semelhantes. Cuidam da gestão administrativa e financeira do local, pessoas e recursos, como alimentação e medicamentos para os animais. Ser administrador de centros equestres exige determinação, força de vontade e criatividade. Se destaca quem está constantemente aprendendo e buscando excelência em seus serviços e produtos oferecidos, além de gostar e se dedicar não apenas aos animais, mas também às pessoas.

Fisioterapia:

Um fisioterapeuta pode se especializar em auxiliar crianças e adultos que necessitam de tratamentos com Equoterapia, uma terapia baseada na utilização de cavalos. Nela, o cavalo é o principal responsável por promover desenvolvimento a nível físico e psíquico de pessoas com necessidades especiais, contribuindo para o desenvolvimento da força muscular, alinhamento corporal, relaxamento, conscientização do próprio corpo e aperfeiçoamento da coordenação motora e equilíbrio, além do desenvolvimento de novas formas de socialização, autoconfiança e autoestima durante a interação do paciente com o cavalo. Para os fisioterapeutas interessados em se especializar na área, a ANDE-Brasil oferece diversos cursos para esse área da fisioterapia.